16 março 2015

Respondendo Perguntas!

Me perguntaram algo que acho legal compartilhar!!!

A pergunta foi de uma amiga minha:

'Se você tem uma cachorra velha, q ficou cega e muito doente, qual a melhor saída? Eu sofro cm ela assim, mas tbm choro ao pensar em sacrificar.'

R: Espere para ver se ela melhora e vá acalmando-a com remédios OBVIAMENTE receitados pelo veterinário. Se ela/ele piorar, leve novamente ao veterinário. Ele te dirá o melhor a se fazer.

Essa situação também aconteceu comigo! Perdi minha cadela que iria fazer 12 anos. Além de velhice, era diabética tipo 2, com o tempo ficou cega, já teve catarata difícil de curar, muuuuuitas vezes anemia fortes, vivia sofrendo de várias coisas.

Na semana em que ela faleceu, pegou anemia das fortes. Ficou cada vez mais magra em pouquíssimo tempo. Foi de assustar! Tivemos que comprar fraudas, pois não conseguia parar em pé e como ela estava cega, não via pra onde ela estava indo. Isso depois de ficar um tempinho internada no soro todo dia. Foi um sofrimento pra ela, tadinha.

Lembro muito bem da cena até hoje no dia em que me deixou:
Ela estava comigo no quarto e eu estava de costas pra ela e falando no skype com meu namorado, ouvi um barulho e ligeiramente lembrei que a ela estava doente e precisava de muita atenção e cuidado, então eu virei de frente e me deparei com uma CONVULSÃO e falta de ar. Me aproximei e examinei. Vi a boca espumando muuuito e lembrei que isso é uma convulsão se iniciando. Eu gritei minha mãe: -Mããããeee, a Pituxa tá com a boca espumando, tá tendo convulsão, sei la.- falei desesperadamente. Eu e minha irmã começamos e chorar desesperadas e minha mãe já tinha sentido que a Pituxa, DEPOIS DE LUTAR PRA FICAR COM A GENTE, INFELIZMENTE NÃO RESISTIU E AQUELA SERIA SUA HORA, tanto que nem levamos ao veterinário e apenas deixamos ela ir se acalmando aos poucos, POIS QUEM ESTÁ ENTRANDO EM CONVULSÃO NÃO SE PODE SER ACORDADO INSISTENTEMENTE. Senti também que seria a hora dela, mas não hesitei e a peguei nos braços.... :'( Só de contar, eu volto a chorar. Peguei ela nos braços, a abracei como uma mãe acalentando um filho que chora de dor ou carência, coloquei minha mão no coração e senti que cada batida a mais era uma velocidade diminuída até que.... que... [SILÊNCIO DENTRO DE SEU CORPO]. Eu fiquei na esperança que batesse de novo... Mas só o que fiz foi chorar desesperadamente e loucamente. :'( Sinto como se fosse hoje, a última batida em meus braços. Eu consigo sentir novamente essa batida, que foi tão lenta que não terminou de bater. Como se fosse bater apenas pela metade. :'(

É isso amiga. VETERINÁRIO E NÃO PERCA NUNCA AS ESPERANÇAS... E POR FAVOR, NÃO SAIA DE PERTO DA SUA CADELINHA/CACHORRINHO. ESTA É A HORA QUE ELE/ELA MAIS PRECISA DE COMPANHIA VERDADEIRA E MUITO CUIDADOS! NÃO SE DISPERSE!!!

Beijinhos e espero ter respondido o que você queria saber!! ;) Te adoro.

ALGUÉM TEM MAIS ALGUMA PERGUNTA???? PODEM MANDAR NOS COMENTÁRIOS OU NA PÁGINA ''NOSSO RECLAME'' COMO MENSAGEM PRO BLOG. ;)

Att, Exclusiva e Virtual ! :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou do que acabou de ler? Interessante, legal, poderia ser melhor? Se expresse para que eu saiba o que te agrada e fazer melhor! Sugira temas, envie críticas, elogios, recado! Este espaço é TODO seu. Até a próxima.

© NOME DO BLOG - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Milena Motta.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo